español português english email
Índice
Missionários por necessidade
Missionários por Lei

Missionários por herança
Século XIX
Século XX

Missionários hoje
Zonas missionárias
Diocese de Shangqiu (Henan, República Popular da China)

Ministérios missionários

Mapa de situação das comunidades de Taiwan. No quadro abaixo, esquerda, situação respeito à Missão de Shangqiu em Henan (República Popular China). À direita, os sete ministérios dos Recoletos em Taiwan, quatro na região urbana de Kaohsiung e três na região montanhosa indígena.


A primeira comunidade recoleta de Taiwan: em pé, com hábito branco, de esquerda à direita, Manuel María Piérola, Benito Suen e Jesús Antonio Lasheras; sentados, com hábito preto, Felipe Liu, Pedro Tung e Melecio Ho.


Despedida no aeroporto de Kaohsiung dos agostinianos recoletos da Província de São Nicolau de Tolentino, com fiéis, alunos das creches e recoletos da Província de Santo Ezequiel Moreno.



Mapa Linyuan

Ver mapa maior


Mapa Santimen

Ver mapa maior


Mapa Wu-Tai

Ver mapa maior


Mapa Machia-Hsiang

Ver mapa maior
Missionários por herança Século XX
Kaohsiung (Taiwán)
Em fevereiro de 1963, o prior provincial da Província de São Nicolau de Tolentino, Moisés Arguijo, teve uma entrevista com José Cheng, dominicano e bispo de Kaohsiung (Taiwan). Este bispo tinha conhecimento de vários agostinianos recoletos que foram companheiros de sala de aula em seus tempos de estudante em Hong Kong.

A Província de São Nicolau de Tolentino buscava uma plataforma para comunicar-se com os religiosos que haviam ficado na República Popular China, depois da expulsão dos estrangeiros e da imposição do regime comunista. Uma fundação em Taiwan permitiria manter pessoal com conhecimento do mandarim em caso de reabrir as fronteiras no continente.

Com a entrevista e os interesses comuns chegaram rapidamente a um acordo. No dia 4 de junho de 1963 saíam de Madrid com destino a Kaohsiung dois recoletos chineses, aos que seguiram uma semana depois, dois espanhóis. No momento de máxima expansão, no início de 1988, houve até nove recoletos de diferentes lugares: quatro chineses, três espanhóis e dois filipinos.

A primeira etapa foi de pioneiros. Dois recoletos chineses foram destinados a Fengshan, onde além de ajudar pastoralmente iniciaram o estudo do minan, um dialeto diferente do mandarim continental. Os dois espanhóis foram enviados a aprender mandarim em uma comunidade de jesuítas em Hsinchu, a uns 80 quilômetros de Taipei. Quando aprenderam o idioma, os Agostinianos Recoletos encarregaram-se de quatro paróquias na área urbana de Kaohsiung.

Área urbana de Kaohsiung: Santa Cruz e São Nicolau (Taliao), Santo Agostinho e São Jose (Linyuan)
Taliao tinha em 1960 pouco mais de 40.000 habitantes, a metade agricultores. Sua paróquia da Santa Cruz foi desmembrada em duas, criando-se a de São Nicolau de Tolentino, com o tempo sede central da missão recoleta.

A paróquia de Santa Cruz foi fundada em 1957 pelos dominicanos. Quando a Província de São Nicolau se encarregou dela (1965), estava muito abandonada. Em 1971 se restaurou a capela, substituída em 1981 por outra maior; em 1989 levantou-se nova casa paroquial; e entre 1973 e 1977 se concertou o pré-escolar, que no ano 1989 agregou-se a antiga casa paroquial.

Em dezembro 1963 os missionários iniciaram as obras do novo complexo que foi inaugurado o dia 15 de maio de 1965. A Igreja media 26 x 11 metros onde se podiam agasalhar umas 300 pessoas. E 1966 abriram uma escola de primaria e em 1990 uma nova sala.

A paróquia de Santo Agostinho em Linyuan foi fundada pelos Recoletos em 1964. É um complexo industrial com grandes empresas petroquímicas. A maior parte da população era budista e os religiosos sempre se viram com problemas para atuar na problemática social, ao ter pouca margem num país com fortes restrições para os estrangeiros. Em Linyuan iniciou-se a atenção aos imigrantes filipinos por parte de religiosos recoletos devido a mesma nacionalidade e língua.

A paróquia São José está situada em Chinang Li, Hsiaokang, a uns nove quilômetros do Kaohsiung. Foi encomendada à Ordem em 1970 e a maior parte de seus habitantes eram migrantes da província continental de Shantung.

Os recoletos na área urbana de Kaohsiung deram catequese e fundaram grupos de fé. Colaboraram com a formação no seminário diocesano, com as dominicanas contemplativas e deram aulas em academias militares, na Universidade Cheng Shan, no colégio Wen-Tzao de Filosofia e Letras e na Academia da Marina Mercantil. Por último, exerceram de tradutores de literatura espanhola e documentos religiosos ao chinês.

Um dos campos de ação, e também de dores de cabeça, foram as escolas para crianças, para satisfazer as necessidades da missão e facilitar o contato com as famílias. Porém, a lei impedia um trabalho pastoral, devido a proibição do ensino religioso, e como consequência afogou também a parte econômica.

E 1990 se fizeram duas mudanças importantes. Por um lado, a Província de São Nicolau edificou uma nova casa central em Taliao, junto a São Nicolau, para facilitar o encontro dos missionários. Por outro lado, desejosos de fortalecer sua presença na ilha, ampliaram o raio de ação. No dia 31 de dezembro se assumiram três distritos aborígenes em Wu-Tai e Machia-Hsiang.

No dia 12 de dezembro de 1995, com a chegada de quatro missionárias agostinianas recoletas a Hsiao Kang, muito perto de Taliao, se completou a presença agostiniano recoleta na ilha.

Santimen, Wu-Tai e Machia-Hsiang, a atenção aos nativos malaios
Menos de 2% da população total de Taiwan pertence a nove tribos indígenas principais. Cerca da metade vive em escarpadas montanhas do centro da ilha, e a outra metade se integraram com o resto da sociedade.

Os Recoletos se fizeram cargo desta missão atendida anteriormente pelos dominicanos. No município de Wu-tai o 79% da superfície é de selva. Está na cordilheira central, com alturas de 1.000 metros e uma temperatura media de 17,8º C. A névoa que é muito frequente, dá nome à zona: Wu significa névoa; e Tai, lugar alto. A Província também se encarregou da paróquia contígua, de Machia Hsiang, de 5.000 habitantes.

Os aborígenes da zona pertencem ao grupo Paiwan, com traços muito parecidos aos dos filipinos, e seus dialetos também tem afinidade com o tagalog. A maioria se converteu ao cristianismo e uns 20% são católicos.

Despedida da Província de São Nicolau de Tolentino de Taiwan
Tanto os ministérios da montanha como a paróquia com maior presença de imigrantes filipinos, Linyuan, passaram em 1998, à Província de São Ezequiel Moreno, com sede em Manila, no momento de sua criação, ao desmembrar-se da Província de São Nicolau de Tolentino.

Finalmente, em setembro de 2011 a Província de São Nicolau deixou a ilha, deixando Taliao à gestão da Província de Santo Ezequiel Moreno.


As tarefas pastorais e a educação dos mais novos tem estado unidas durante anos nos ministérios recoletos de Taiwan.







E você, o que acha?

menu portada noticias reportajes agenda documentos nosotros material gráfico misiones escribenos intranet Entra y verás
Agostinianos Recoletos. Província de São Nicolau de Tolentino. Paseo de la Habana, 167. 28036 -Madrid, Espanha. Fone: 913 453 460. CIF: R-2800087-E. Inscrita no Registro de Entidades Religiosas do Ministério de Justiça, número 1398-a-SE/B. Política de privacidade.
Busca.